Renove seu chão sem quebrar nada

Está cansada do piso em algum ambiente da sua casa? Com o abuso constante do arrastar de móveis, exposição ao sol, calor, atrito com vassouras e mesmo o desgaste acumulado do andar sobre ele, os pisos inevitavelmente sofrem. O dano acumulado ao longo dos anos muitas vezes é irreversível, ou é tão severo que não vale a pena o reparo, principalmente se ele é de materiais menos nobres.

Só de pensar em substituí-lo, entretanto, já temos dor de cabeça. O barulho e a quantidade de poeira gerados pelo quebra-quebra da remoção do piso antigo é um enorme inconveniente. Além disso, é uma obra demorada e cara.

Mas calma! Não precisa ser assim.
Atualmente existem materiais que podem ser aplicados diretamente sobre o assoalho antigo. Desta forma, toda o trabalho de retirar o acabamento original do chão é evitado. O que resta é uma obra rápida, com menos bagunça, silenciosa e ainda muito mais em conta. Conheça a técnica do piso sobre piso!

Como funciona?

A técnica consiste em aplicar uma nova camada de revestimento diretamente sobre o piso já existente no local. Ela é possível graças à argamassas colantes especiais. Elas são muito mais fortes e também possuem secamento mais rápido que as comuns. Por isso, são mais caras que as convencionais. Ainda assim, a economia gerada paga a diferença com bastante folga.

Onde é possível aplicar?

Existem pisos e argamassas próprios tanto para áreas internas quanto às externas. Há quem diga que esta técnica não deve ser aplicada em cozinhas e áreas constantemente lavadas, pelo risco de infiltração e descolamento. Na verdade, estes problemas só ocorrem se for feita uma aplicação incorreta do piso. Prova disso é o fato que locais comerciais de grande circulação, como shoppings e galerias, fazem uso deste tipo de piso, para evitar ficarem fechados para reforma por muito tempo. Provavelmente o piso da sua cozinha sofre menos abuso que o piso de um shopping.

Como é feita a aplicação?

O local precisa ser avaliado para localizar desníveis e placas soltas. Estes problemas devem ser corrigidos antes da aplicação, para que não sejam transmitidos para o novo acabamento. Em seguida, a superfície é bem lavada, retirando qualquer contaminante que possa atrapalhar a adesão. Em seguida é só aplicar, com as técnicas corretas, a argamassa colante e assentar o novo assoalho por cima, utilizando espaçadores para manter a distribuição uniforme. A primeira limpeza é feita antes da argamassa secar, ainda pelo instalador, para que não fiquem resíduos no chão novo.

O processo todo leva em torno de um dia de trabalho por ambiente. Em 3 ou 4 horas a argamassa já está seca e se pode pisar sem problemas no piso novo em 24 horas.

Quais são os prós e contras?

A grande vantagem é a facilidade da instalação. Não é gerado entulho quase nenhum (apenas aparas que tenham sido cortadas para fechar cantos são jogadas fora), faz pouca sujeira e se gasta muito pouco dinheiro, tanto com os materiais quanto com a mão de obra. Então com pouco tempo e dinheiro o ambiente fica de cara nova!

O principal problema é que seu piso será elevado em alguns milímetros. Um acabamento slim, mais fino torna esta diferença ainda menor. O elevamento do assoalho não traz nenhum incômodo aos moradores, mas pode interferir com a abertura de portas. Neste caso, é necessário que as portas sejam removidas, ajustadas e reinstaladas. Não é um processo complicado nem caro, mas é um inconveniente.

Se instalados sem os cuidados adequados, os pisos podem durar pouco e deixar o acabamento ruim ao redor de ralos, tomadas, nas quinas e encontro com a parede. Isto, entretanto, é facilmente evitável se contratado um profissional especializado para a instalação.

Um piso novinho em folha está muito mais fácil do que você imagina. Com estes cuidados e ajuda de um profissional experiente, a única dor de cabeça que você pode ter é conseguir escolher o mais bonito, entre as dezenas de modelos disponíveis no mercado!

Você já fez essa aplicação na sua casa? Gostou do resultado? Diga-nos como foi, nos comentários!

Fonte: Imóvel Web

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.